Entenda as diferenças entre medicamento e suplemento alimentar

 Entenda as diferenças entre medicamento e suplemento alimentar

Você até pode comprar os dois na farmácia, mas não confunda, pois não são a mesma coisa, e você vai entender a diferença nesta publicação.

Muita gente confunde, ou pode confundir, o que é um medicamento, ou seja, um remédio, e o que é um suplemento alimentar. Ambos podem estar na farmácia que você frequenta, ambos podem se apresentar em formato de cápsulas, mas são destinados a objetivos bem diferentes. Afinal, quais as diferenças entre medicamento e suplemento alimentar?

Um medicamento é um remédio, ele serve para curar alguma enfermidade. Em caso de doença, o médico receita a substância que vai atuar como tratamento para aquele mal específico. Se toma por um período até que se obtenha o restabelecimento.

Um suplemento alimentar é o que o próprio nome diz, um suplemento, complemento, no caso, alimentar, serve para somar, agregar, melhorar o todo, suprir ou fortalecer nossas necessidades nutricionais. Podem no máximo agir de forma preventiva. Seu uso é opcional.

Existem situações em que os mesmos componentes podem aparecer como medicamento e como suplemento. Os casos mais comuns são os das vitaminas. Como suplemento são disponibilizadas em dosagens bem pequenas para atuarem apenas como complemento a alimentação, com o objetivo de manutenção dos níveis normais. Como medicamentos aparecem em dosagens bem maiores e atuam para suprir uma deficiência. Precisam de prescrição médica porque cada caso precisa ser avaliado para aplicação da dosagem correta.

Resumindo

Medicamentos:

São substâncias preferencialmente sintéticas, com função de cura, tratamento de doenças, ou ainda alívio de sintomas. Normalmente necessitam de prescrição médica.

Suplementos:

São essencialmente substâncias de origem orgânica, alimentar, com função de complementação nutricional da alimentação, seja por falta ou aumento das necessidades diárias. Podem ajudar na prevenção, mas não tem poder de cura. Não precisam de prescrição médica apesar de ser muito importante a recomendação por parte de um especialista.

De forma bem objetiva, essas são as principais diferenças entre medicamento e suplemento alimentar. Então não confunda, e como sempre ressaltamos, tanto para uso de medicamentos, como para uso de suplementos, busque sempre a recomendação e o acompanhamento médico.


Se você acessou nosso site pela primeira vez, e foi por essa publicação, e você tem interesse em saber mais sobre suplementação alimentar, temos outras publicações que provavelmente você vai se interessar. Acesse também “O que é e para que serve a suplementação alimentar?”; “Quais são os principais suplementos alimentares?”; “4ª edição do Documento da Anvisa com Perguntas & Respostas”.

E convidamos você a participar ativamente do nosso site com seu comentário logo abaixo. Compartilhe conosco suas opiniões e experiências com suplementação alimentar.


IMAGEM:
Destaque: por Garak01 de Pixabay





EuPOSSOmudar

EuPOSSOmudar

O EuPOSSOmudar tem como propósito informar, esclarecer, elucidar, inspirar, debater, apresentar conteúdos atuais e confiáveis, relacionados a saúde, alimentação, bem-estar, exercícios, suplementação e comportamento, para que você possa refletir, analisar e decidir por promover mudanças em seus hábitos rotineiros em busca de uma melhor qualidade de vida, saúde, satisfação pessoal, para assim ser mais feliz.

Postagens relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *